sábado, 7 de março de 2009

Cristo não era assim!


Logo pela manhã, fui confrontado por uma notícia que dava conta de que um Bispo brasileiro havia "excomungado" uma menina de nove anos e todos os que participaram ou consentiram no seu aborto, depois de ter engravidado por violação do padrasto!
Isto ultrapassa as raias da compreensão humana!
Estou à vontade para me pronunciar, porque fui, e sou, contra a Lei do Aborto, em cujo referendo votei contra. E fi-lo, e voltaria a faze-lo, em consciência, para além do mais, por entender que a lei já então vigente salvaguardava estas situações anómalas e de conflitos de valores, como violação, malformação do feto, perigo de vida para a mulher, entre outras situações.
Não posso, pois, compreender a atitude da Igreja Católica do Brasil e interrogo-me se Cristo, de quem dizem seguir o exemplo e ensinamentos, decidiria assim num caso desta natureza. Não creio.
Comportamentos deste jaez só desacreditam a Igreja e, não duvido, são contra os desígnios do seu primeiro Pastor!
Estes fundamentalismos anacrónicos desvirtuam a Fé dos Homens!