Mudei-me para:

sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Aljustrel

Aljustrel.

Em 2002, por imperativos profissionais vivi naquela vila do interior alentejano.
Terra com história, mergulhada na memória das Minas, foi para mim uma agradável surpresa.
Para além da afabilidade das suas gentes, ressaltava aos meus olhos a limpeza das ruas, o branco brilho das suas casas.
Mas foi a gastronomia o que mais de marcante ficou: a lebre com feijão branco, na vila; a galinha em molho de tomate, numa tasquinha da Aldeia do Elvas; os secretos de porco preto na Messejana; a galinha de cabidela...., levaram-me, durante aquele ano e em esporádicas deslocações nos que se seguiram, à gula, de que fui "pecador" militante!

Por muito mais, mas também por tudo isto, o "clip" que dediquei àquela simpática terra:

video